• Melhor preço online
    Pequeno almoço
    sempre incluído

    O seu bem-estar é a nossa prioridade.

    Numa atmosfera tranquila e acolhedora, propomos a quem nos visita a possibilidade de se alojar na Casa Senhorial ou nas Casas Natura inseridas na propriedade da Casa da Lavand’eira.



    Casa Senhorial

    Apesar de todos os documentos apontarem para o século XIX, diz-se que a Casa da Lavand'eira foi propriedade da nobreza ibérica e começou a ser construída ainda durante o século XVIII.

    A certeza é que, nesta Casa, habitaram sempre famílias de grande influência para a freguesia de Ancede e que com o seu contributo dinamizaram e promoveram o desenvolvimento económico, social e cultural da região.

    Nos dias de hoje, a Casa da Lavand’eira conserva o charme rural de outros tempos, aliado ao conforto dos nossos dias.

    A Casa Senhorial dispõe de oito quartos com casa de banho privativa, televisão de ecrã plano e aquecimento.
    Uma cozinha tradicional, onde nos dias mais frios uma antiga salamandra proporciona o ambiente ideal para um pequeno-almoço em família, salas de estar e jantar e um salão de jogos com mesa de bilhar e matraquilhos são ainda outros espaços a conhecer e desfrutar.

    Nos dias mais quentes a agradável varanda e a sala exterior dos arcos com vista para um jardim romântico, a piscina e os jardins que envolvem a casa completam o local ideal para a sua estadia.

    Acesso wireless disponível nas zonas comuns da Casa.

    Uma capela de elevado valor artístico é, ainda, parte integrante da casa.

    Casas Natura

    Privilegiando o contacto direto com a natureza, antigas habitações e moinhos da propriedade, foram recentemente recuperadas e transformadas nas Casas Natura.

    De construção granítica e interiores em madeira, as Casas Natura oferecem o conforto dos nossos dias sem perderem a rusticidade de outros tempos.
    Estas casas de diferentes tipologias têm, dependendo da sua localização, vistas deslumbrantes para as vinhas e jardins da propriedade, para o rio e serras.

    Deixe-se embalar pelo som do Rio Ovil, pelo horizonte das serras, pelo cheiro das camélias, pelos encantos da terra e das tradições.